Coronavírus: por que evitar acessórios como brincos e anéis

Equipe Dasa,
Publicado em:

Diante do cenário atual de pandemia, alguns comportamentos precisam ser ajustados, auxiliando na prevenção ao novo Coronavírus.

Muitos dos casos são assintomáticos, o que pode facilitar a transmissão do vírus. E acessórios como relógios, anéis e outros objetos de uso pessoal podem passar despercebidos na higienização e serem áreas de acúmulo de vírus.

Brincos, anéis, pulseiras e relógio

Atualmente o uso desses acessórios deve ser evitado para evitar a propagação do vírus.

“É muito difícil se fazer a higiene desses objetos periodicamente, até porque eles têm reentrâncias e estruturas que são difíceis de serem higienizadas. Além disso, esses acessórios ficam em contato com a pele, e quando a gente sai, entram em contato também com outras pessoas e outros objetos. Por este motivo essas bijuterias podem se tornar uma fonte de propagação da infecção” explica o infectologista e professor da UFMG Mateus Westin.

Óculos de grau e óculos escuros

Mesmo os óculos servindo de proteção para os olhos, é importante higienizá-los com água e sabão sempre que tirar e colocar no rosto, pois as membranas mucosas do nosso corpo, como os olhos, são mais suscetíveis à transmissão do vírus.

Maquiagem

É necessário redobrar a atenção com os itens de maquiagem, por exemplo: não emprestar batom e pincéis para outras pessoas, mesmo que morem na mesma casa.
A higienização dos pincéis de maquiagem é essencial e podem ser feita em passos simples, como:

• Misturar shampoo infantil ou detergente neutro em água morna
• Molhar os pincéis na solução líquida (não molhar a base das cerdas)
• Lavar fazendo movimentos circulares na palma da mão até ficar completamente limpo
• Enxaguar com água temperatura ambiente
• Remover o excesso de água com papel toalha
• Deixar os pincéis secarem naturalmente

Além da higienização correta dos pincéis, é necessário lembrar que o uso dos mesmos devem ser individuais, assim como o uso de batons.

“Se uma pessoa infectada usar um batom pode transferir o vírus presente em secreções orais para o produto e dali para a boca de outra pessoa. É impossível higienizar um batom de maneira segura antes de ser utilizado por outra pessoa ” Explica a infectologista Marina de Almeida Rodrigues da Silva, do Hospital São Lucas da PUC-RS.

Roupas e sapatos

A recomendação é manter o isolamento em casa, mas quando for inevitável sair às ruas, alguns cuidados extras precisam ser adotados. Ao chegar em casa, retire os sapatos e a roupa e as higienize assim que possível.

Como higienizar acessórios para evitar transmissão de Coronavírus?

As recomendações de higienização dos acessórios, são as mesmas que usamos no dia-a-dia com nossas mãos, objetos e superfícies:

• Lavar os acessórios muito bem com água e sabão
• Usar panos macios e os colocar para lavar logo em seguida
• Usar álcool 70% como auxílio de limpeza
• Caso não consiga ficar sem os acessórios, é indicado que na hora de lavar as mãos, os retire e os higienize

Veja também: casos de coronavírus no Brasil e no mundo


Compartilhar


Equipe Dasa

A DASA é a maior rede de saúde integrada do Brasil, com uma rede de medicina diagnóstica, hospitais e uma empresa de gestão em cuidados. Nossos artigos são escritos por médicos especialistas e passam por uma revisão e validação robusta para a melhor qualidade de conteúdo para nossos pacientes e profissionais da saúde.

Quer saber mais?

Se inscreva em nossa newsletter de Inovação