Coronavírus deixa sequelas? Conheça o processo de recuperação da COVID-19

Equipe Dasa,
Publicado em:

As sequelas de COVID19 podem atingir pessoas que apresentaram um quadro grave e, até mesmo, moderado da doença. Veja quanto tempo os sintomas podem persistir e o processo de recuperação.

Quais as possíveis sequelas de coronavírus a longo prazo?

A infecção causada pelo SARS-CoV-2 se comporta de maneira muito individual. Algumas pessoas desenvolvem somente sintomas leves, já outras apresentam sintomas severos e podem até vir a óbito.

As sequelas da COVID-19 são mais frequentes em pessoas que apresentaram o quadro grave, mas também podem ocorrer em pessoas com quadro moderado da doença. As sequelas incluem cansaço, redução da capacidade pulmonar, fraqueza muscular e tosse residual. Além disso, dependendo do comprometimento orgânico no momento da doença, outras sequelas também podem acontecer.

Saber como se prevenir do Coronavírus é essencial em todas as situações, uma vez que os estudos sobre quem já pegou Coronavírus pode pegar de novo ainda são pouco conclusivos.

Perda de olfato e paladar duram para sempre?

A perda de olfato e paladar podem persistir por muitas semanas e até meses. Com o maior conhecimento sobre a doença, poderemos estimar o tempo médio de persistência desses sintomas. Existem exercícios provocativos do olfato que podem auxiliar na recuperação do sentido.

sequelas coronavírus: perda de olfato e paladar

Como é o processo de recuperação de pacientes que tiveram COVID-19?

Muitos pacientes apresentam doença leve e se recuperam rapidamente e completamente. Entretanto, alguns pacientes podem apresentar indisposição ou cansaço por várias semanas. Após a recuperação do quadro agudo, pessoas com sintomas persistentes ou com fatores de risco para doença grave, se beneficiam de consulta médica para avaliação da condição geral de saúde e orientações de retorno às suas atividades rotineiras e atividades físicas. Estas recomendações devem ser individualizadas para cada paciente, pois precisam levar em conta a aptidão física, doenças preexistentes e comprometimento orgânico pela COVID-19.

Saiba também: Tive contato com uma pessoa com COVID-19, o que devo fazer?


Tópicos

Compartilhar


Equipe Dasa

A DASA é a maior rede de saúde integrada do Brasil, com uma rede de medicina diagnóstica, hospitais e uma empresa de gestão em cuidados. Nossos artigos são escritos por médicos especialistas e passam por uma revisão e validação robusta para a melhor qualidade de conteúdo para nossos pacientes e profissionais da saúde.

Quer saber mais?

Se inscreva em nossa newsletter de Inovação